Como Administrar sua Carteira de Investimentos

Aprenda a gerenciar sua carteira de investimentos

Artigo publicado por Samira Souza nas categorias: Ações

Quando o assunto é ganhar dinheiro a grande maioria das pessoas acabam tendo pressa de ver o resultado dos seus investimentos. Mas assim como qualquer outra atividade na nossa vida, investir exige uma dose de treinamento e bastante paciência no início para que as pessoas possam aprender o que podem e o que não devem fazer.

Além de não correr grandes riscos nos primeiros movimentos, é fundamental pensar em uma estratégia, e não sair investindo o seu dinheiro de qualquer forma em operações que são consideradas seguras ou lucrativas pelo vizinho ou pelo amigo. É sempre mais inteligente para quem está começando a investir focar em estratégias que já tenham sido testadas e que também sejam compatíveis para o perfil de investidor que a pessoa pretende ser.

Confira algumas dicas para conseguir administrar seus investimentos de forma eficiente.

retorno de investimentos

O que é carteira de investimentos

O primeiro passo para o investidor iniciante e que já dispõe de um montante considerável para começar a aplicar é entender o conceito de carteira de investimentos. A expressão está relacionada a diversidade. Ou seja, ao invés do investidor aplicar todo o seu dinheiro disponível em um único fundo, a ideia é pulverizar em diferentes formas de investimento, e isso acaba formando uma carteira.

Geralmente, a carteira de investimentos pode ser administrada por uma empresa, como uma corretora, que vai guiar o investidor entre as melhores possibilidades e oportunidades e também será a responsável por aplicar o dinheiro que ela recebe. Mas a carteira também pode ser administrada pelo próprio investidor, embora isso seja recomendado apenas quando ele já tem mais conhecimento sobre como funciona o mercado financeiro.

Definindo a estratégia

A estratégia sempre será definida a partir dos objetivos financeiros do investidor. Ou seja, ele quer ganhar dinheiro rápido, ou quer garantir a segurança do seus dividendos, ou ainda pretende investir em uma grande quantidade de possibilidades diferentes, e por aí vai.

A melhor forma de definir uma estratégia é contar com ajuda de um profissional ou de uma empresa que vai começar a guiar os movimentos. Além da estratégia macro, também existem as estratégias específicas dentro de cada tipo de investimento. Por exemplo, se a pessoa vai investir em ações, ela pode querer adotar como estratégia comprar somente ações que estão sendo mais comentadas pelo mercado, ou então apenas investir em fundos e deixar que suas decisões sejam administradas por outras pessoas.

carteira de investimentos

Ser constante é o segredo

Depois de definir a estratégia, é fundamental que as pessoas sejam constantes e sigam naquela estratégia. Na grande maioria dos casos os investidores tendem a mudar a sua forma de investir constantemente, e isso acaba gerando um risco maior de perda de dinheiro. Mas não esqueça: fazer pequenos ajustes na estratégia pode ser necessário.

Sempre de olho nos resultados

A estratégia também deve ser constantemente avaliada com base nos resultados, mas não apenas olhar o retorno médio que ela está trazendo, mas principalmente o retorno relativo em relação ao mercado como um todo.



Comente!




*Campos obrigatórios